A cura da mulher no Sábado

TEXTO (Lucas 13:10-17 )

 

A passagem nos fala de uma mulher que há 18 anos, lutava contra uma doença que lhe forçava a andar encurvada. Era discriminada numa sociedade hipócrita, que vivia sobre a legalidade, vendo a doença como um castigo divino pelo pecado cometido. Tinha o olhar cabisbaixo e não se sentia digna e merecedora de perdão.

 

Mas o verso 12 diz que Jesus viu o seu estado e imediatamente a chama. Podemos aprender algumas coisas relevantes com este relato.

 

- Jesus não está distraído ou ocupado à Ele sabe que precisamos de sua ajuda, e por ser onisciente, Cristo está sempre ao nosso lado. Hb 13:5 está escrito: “Não te deixarei, nem te desampararei”. Em todas as situações e lugares, por piores que pareçam, Jesus nos vê. Pv 15:3 “os olhos do Senhor estão em todo lugar”

 

- Jesus está sempre nos chamando à Ele usa pessoas (amigos, vizinhos, parentes). Ele usa sentimentos (medo, solidão, angústia etc). Ele usa circunstâncias (falência, doença, perseguição etc).  Deus sempre está nos atraindo com sua bondade, pois ele nos fez para termos comunhão com Ele.

 

- Independente do tempo, Jesus resolve o problema à Aquela mulher esperou por 18 anos, o enfermo do tanque de Betesda, 38 anos, a mulher do fluxo de sangue esperou 12 anos. E você, a quanto tempo espera pela cura ?

 

- Jesus valoriza você mais que qualquer legalismo religioso à Foi no sábado, que para os fariseus era um dia “santo”. Foi na sinagoga, que para os Judeus era um lugar “santo”. Jesus não se preocupava com o legalismo daqueles homens, Sua intenção era desfazer as obras do diabo.

 

Quando nós, Igreja de Cristo, entendermos que o verdadeiro valor no cristianismo é o  amor ao “meu próximo”,  as barreiras litúrgicas e as indumentárias religiosas vão cair por terra. Se não cuido do meu irmão (parente, colega, vizinho) que é visível aos meus olhos, como poderei amar e me relacionar com Deus que é espírito?

 

Toda a lei está encerrada em “amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo” (Mt 22:36-40). Jesus não morreu e ressuscitou para salvar os “templos” e seus adereços. Ele fez isto por mim e por você, verdadeiros templos do Espírito Santo.

 

Quer ser curado? Atenda ao chamado de Jesus!

 

Pr. Pedro Noia e Igreja