SOBRE O PASTOR PRESIDENTE

.

O Pastor Pedro Noia, é casado com a pedagoga Daisy Marchetti Noia com quem tem 3 filhos, Fabrício (27), Daniela (17) e Luisa (14). Possui Mestrado em Ciência da Educação, pela Universidade Latino Americana e Doutorado em Terapia Familiar. Além de Pastor Presidente da ComBC, é escritor e palestrante. Trabalha como consultor de TI no setor Público e atua como professor Universitário, também como Diretor do Seminário Teológico Gideões.

Foi discipulado e desceu as águas batismais na Igreja Metodista do Brasil em 1998, atuando como líder de grupos familiares desde então. Foi membro da Assembléia de Deus, onde atuou como Ministro de Louvor e membro da Igreja Evangélica Batista, onde liderou o ministério da Família.

Possui um CD de Músicas Cristãs, gravado no ano de 2000 intitulado "Viver eternamente", onde expressa de forma espiritual toda a sua adoração e devoção a Deus. Outra faixa se chama "Cuida de mim..." e "Me faz lembrar"

Foi separado pelo Espírito Santo de Deus para o ministério pastoral em Agosto de 2003, quando iniciou com mais 3 famílias as reuniões da Comunidade Batista Cristã no bairro de Itapoã - V.Velha(ES). A partir de um grupo familiar (ATOS) ele e mais 3 famílias iniciaram um trabalho de restauração de lares.

É palestrante de Encontros de Casais, atua na área de Aconselhamento e Terapia de restauração de Famílias, promovendo seminários e palestras sobre questões matrimoniais. 

Recentemente publicou o livro "Casamento: Aprenda a Jogar", onde registra suas experiências como conselheiro matrimonial.

Também publicou uma obra para Jovens, de nome "Solteiro ou Solitário? Como escolher o companheiro ideal", instruindo a nova geração com relação a escolha de um cônjuge. E mais dois livros, um tratando finanças e um quarto livro sobre devocional chamado "Crepúsculo, devocional ao amanhecer"

Sobre tudo isto, o Pastor Pedro, parafraseando o Apóstolo Paulo declara: "Mas o que, para mim, era lucro, isto considerei perda por causa de Cristo. Sim, deveras considero tudo como perda, por causa da sublimidade do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor; por amor do qual perdi todas as coisas e as considero como refugo, para ganhar a Cristo e ser achado nele, não tendo justiça própria, que procede de lei, senão a que é mediante a fé em Cristo, a justiça que procede de Deus, baseada na fé" (Filipenses 3:7-9)

Deus abençoe a todos, com poder e graça !